Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

lua e viola

lua e viola

10
Mai18

Cecilia Meireles

lua e viola

39.jpg

Fez tanto luar que eu pensei nos teus olhos antigos 
e nas tuas antigas palavras 
O vento trouxe de longe tantos lugares em que estivemos 
que tornei a viver contigo enquanto o vento passava. 

Houve uma noite que cintilou sobre o teu rosto 
e modelou tua voz entre as algas. 
Eu moro, desde então, nas pedras frias que o céu protege. 
e estudo apenas o ar e as águas. 

Coitado de quem pôs sua esperança 
nas praias fora do mundo… 
Os ares fogem, viram-se as águas, 
mesmo as pedras, com o tempo, mudam 




©Cecília Meireles, Valsa 

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D